CCJ aprova projeto de blindagem de carros da Polícia na Paraíba

A Comissão de Constituição e Justiça da Assembleia Legislativa (CCJ) aprovou, por unanimidade, o projeto de lei de autoria do deputado estadual Frei Anastácio, que propõe o uso de carros blindados pela polícia da Paraíba. “Espero que nesses dias, esse projeto esteja no plenário para ser votado e também encontre a compreensão de todos e de todas que fazem este parlamento”, disse Frei Anastácio.

O deputado afirma que toda polícia da Paraíba anseia pelo dia de entrar numa viatura que permita uma proteção da bandidagem que a cada dia está mais bem armada. “As investidas contra a nossa polícia está em ordem crescente”, lamentou.

O parlamentar lamentou ainda uma declaração que teria sido dita pelo comandante da Polícia Militar, coronel Euler Chaves sobre o assassinato de policiais na Paraíba, “E aqui eu faço uma contestação ao que teria dito o comandante geral da PM, de que esses assassinatos de policiais estão nos índices aceitáveis. Mortes violentas não são aceitáveis em nenhum local do mundo, principalmente, morte de policiais por bandidos”, afirmou.

O deputado disse que, com certeza, o comandante Euler Chaves disse isso de forma impensada. “Ele deve ter refletido e hoje não dirá mais uma besteira dessas que deixou toda tropa muito chocada”, argumentou.

O petista disse que espera que, quando esse projeto dos blindados chegar ao plenário seja aprovado por unanimidade. “E espero que o senhor governador, que tem primado tanto pelas grandes obras no estado, sancione esse projeto que irá trazer grandes benefícios para a polícia da Paraíba”, disse.

De acordo com Frei Anastácio, é hora do governo começar a dar mais atenção a esses guerreiros, que saem de casa e não sabem se voltam.Homens e mulheres que dão expediente extra, depois dos plantões para ganhar uma gratificação que complementa o salário.

“São policiais, que depois dessas jornadas ainda trabalham em suas folgas fazendo bicos, para aumentar a renda familiar. É uma jornada tripla que esses guerreiros fazem em busca da sobrevivência. Por isso, sempre estou falando aqui em defesa deles, e espero que o governador do estado passe a olhar mais para essa corporação”, finalizou.

Caça ilegal

Frei Anastácio também denunciou que está havendo caça ilegal, no assentamento Novo Horizonte, em Juarez Távora, onde estão matando aves de arribação. O fato já foi denunciado ao Ibama,pelos trabalhadores e nada foi feito até agora. Enviei um ofício pedindo providências e estou esperando resposta.

Grito dos excluídos

O parlamentar também registrou mo plenário da Assembleia a realização da 21ª edição do Grito dos Excluídos, realizado ontem, em João Pessoa. Quero parabenizar aos organizadores do Grito dos Excluídos por mais uma realização. “Essa é uma manifestação que vem contribuindo, ao longo dos anos, para denunciar e pedir providências para os problemas que afligem as camadas mais carentes da sociedade”, disse.

Leia também