Deputado defende que futuro presidente do PT apoie gestão do partido na capital

O deputado estadual Frei Anastácio (PT) falou hoje (13), na Assembleia Legislativa, sobre o registro da candidatura do vice-prefeito de Patos, Lenildo Morais, a presidente estadual do PT. “O nosso projeto defende, entre outras coisas, candidatura ao governo do estado, em 2014, unidade do partido, reeleição da presidente Dilma e defesa da gestão do PT na capital,” disse Frei Anastácio.

O deputado destacou que a candidatura da tendência Movimento PT já conta com apoio das forças Militância Socialista, Articulação de Esquerda, além de militantes independentes. “A candidatura de Lenildo também defende o fortalecimento do PT, na capital, e mais assistência aos diretórios do interior do estado. Quero dizer ainda, que nosso projeto está aberto ao diálogo. Nós estamos dispostos a aceitar qualquer força que queira fortalecer o nosso projeto”, afirmou.

 

Aprovação de Dilma

O parlamentar também registrou a recuperação da avaliação positiva que a presidente Dilma conseguiu nos últimos dias. Segundo pesquisa feita pela Datafolha, Dilma recuperou nove pontos positivos na avaliação de sua administração. “Ela saiu de 33%, para 42%%. E isso está acontecendo porque a presidente agiu de forma enérgica e eficiente em relação às reivindicações levadas para os protestos nas ruas. Ela encarou, de frente, os problemas e a responsabilidade que tem como presidente”, disse o deputado.

Dilma, segundo Frei Anastácio, além de apoiar as manifestações pacíficas, propôs reforma política anunciou aumento de recursos para a mobilidade urbana e apresentou para a sociedade o programa Mais Médicos. “E podem crer que o índice de aprovação do governo Dilma vai aumentar ainda mais. É um governo que tem equipe qualificada para fazer com que esse país continue melhorando. Por tanto, os que apostavam que as manifestações iriam derrubar Dilma deram com os burros na água”, afirmou.

As manifestações, na opinião de Frei Anastácio, não eram nem são contra o governo federal. Elas são contra o sistema. É um alerta para tudo e para todos. “Mas, o governo do PT mostrou que sabe administrar, deu demonstração clara que sabe ouvir e agir na hora certa”, destacou o deputado.

 

Leia também