WhatsApp Image 2020-05-07 at 14.18.27

 

O deputado federal Frei Anastácio (PT/PB) faz um apelo público pedindo providências do Ministro da Saúde, Nelson Teich, para que o pagamento das bolsas dos 12 estudantes do programa Residência Multiprofissional de Saúde Coletiva, que trabalham no combate à Covid/19, na Paraíba, seja atualizado. Eles entraram para o segundo mês sem receber e ameaçam paralisar as atividades.

“É um absurdo ver pessoas que estão trabalhando na linha de frente contra o Coronavírus com pagamentos atrasados. A Paraíba já está enfrentando dificuldade pela falta de profissionais de saúde nessa frente de trabalho, e esse atraso só piora a situação. Por isso, estamos cobrando explicações e providências urgentes do ministro da Saúde”, afirmou o deputado. 

De acordo com o parlamentar, os integrantes do Programa Residentes Multiprofissionais em Saúde Coletiva (SES-PB) divulgaram uma nota advertindo que se o pagamento não for efetuado, os 12 bolsistas irão paralisar suas atividades.

“De acordo com a nota, agora em maio completará dois meses que os nove bolsistas estão sem pagamento, e três deles receberam apenas os vencimentos de um único mês”, comentou. Os profissionais com bolsas atrasadas são das áreas de Enfermagem, Nutrição, Fisioterapia, Farmácia, Odontologia, Psicologia e Serviço Social. 

O deputado relata que a nota também cita a dificuldade que os residentes estão enfrentando com a falta do pagamento das bolsas-salário. “Sem esses recursos, os residentes ficam sem condições para atender suas necessidades básicas, a exemplo de compra de alimentos, pagamento de aluguel, despesas com passagem, sem falar do sofrimento psicossocial que atinge a todos”, concluiu.

DEIXE AQUI SEU COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here