Frei Anastácio critica falta de ação da bancada federal em defesa do povo da PB

O deputado estadual Frei Anastácio criticou, hoje (06), na tribuna da Assembleia Legislativa, a falta de ação da bancada federal da Paraíba em defesa do povo. “Com raras exceções, a exemplo do deputado federal Luiz Couto, não vemos nenhuma manifestação de parlamentares na defesa do povo”, disse o deputado.

Segundo o deputado, por onde ele tem andado, o povo tem se manifestado insatisfeito com a inércia da bancada federal. “Os senadores não fazem nada. Estão se escondendo e fugindo das demandas que envolvem os direitos do povo. Muitos são vaiados onde passam. Os deputados federais, com raras exceções, estão comprometidos com os desmandos do governo golpista e parecem que perderam até a voz, é um silêncio sepulcral”, criticou o deputado.

O parlamentar relatou ainda que está promovendo reuniões no estado ajudando na reflexão com o povo sobre os golpistas que traíram o povo e continuam contribuindo com a degradação do país e a retirada de direitos do povo brasileiro. “Quero ver com que cara esses parasitas pedirão votos ao povo no próximo ano. Com certeza, eles estão confiando nas malas de dinheiro para tentar comprar os mais fracos em troca de votos. Mas, o povo dará o troco a todos eles, é isso que esperamos”, disse o deputado.

 

Frente parlamentar em defesa da criança e adolescente

 

Frei Anastácio registrou ainda que o mandato dele está propondo a criação de uma frente parlamentar em defesa da criança e do adolescente, na Assembleia Legislativa da Paraíba. “Essa iniciativa surgiu como uma das propostas da Audiência Pública realizada, ontem (06), para comemorar os 27 anos do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA)”, disse Frei Anastácio.

A audiência pública foi uma propositura de Frei Anastácio para comemorar o aniversário do ECA e, ao mesmo tempo, discutir os problemas e avanços que os órgãos e entidades vivenciam no   dia a dia, a exemplo dos Conselhos Tutelares, que não funcionam como deveriam em muitas cidades. “Em João Pessoa, por exemplo, existem sete conselhos e só funcionam bem graças ao esforço dos conselheiros que são dedicados”, disse Frei Anastácio.

De acordo com o deputado, a criação da frente  é um pedido direto do Conselho Estadual dos Direitos da Criança e do Adolescente, do Fórum de Direitos da Criança e do Adolescente, Rede Margaridas Pró Criança e Adolescente, a Remar-PB, da Rede Intermunicipal de proteção dos direitos da Criança e do Adolescente, da REDIX e da FEPETI.

 

Ação da Polícia

 

O parlamentar também elogiou a atenção que a Secretaria de Segurança Pública tem dispensado aos trabalhadores rurais. “Quando os trabalhadores precisam são atendidos pelo secretário Cláudio Lima e pelo comandante da Polícia Militar. O caso de Pilar foi o exemplo mais recente. O bandido capanga que atirou contra os trabalhadores, com uma pistola 380, tentando acabar com uma missa no dia 30/8 foi preso em flagrante pela polícia militar. Quero aqui agradecer a atenção que o governo do estado  tem dado a nossa luta junto aos trabalhadores, sem falar na postura de estadista que Ricardo Coutinho tem preservado em defesa do povo e do Brasil” disse Frei Anastácio.

Leia também