O deputado federal Frei Anastácio (PT/PB) denunciou que Bolsonaro desmontou o programa de construção de cisternas de placas, para destinar o dinheiro às emendas parlamentares bilionárias, com objetivo de beneficiar aliados no esquema do orçamento secreto, que se tornou um escândalo no Brasil. 

“O programa já tem o pior resultado desde que foi lançado em 2003, pelo Governo Lula. Bolsonaro está retirando dinheiro de um programa que vinha mudando a vida do povo, sobretudo, no semiárido. De forma covarde, ele desvia os recursos para acabar com o programa, simplesmente, porque foi criado no governo do PT, e entrega em troca de apoio no Congresso Nacional”, comentou Frei Anastácio.

De acordo com o parlamentar, o próprio Ministério da Cidadania confirma que o programa irá fechar o ano de 2021, com apenas três mil unidades construídas.  “No Governo do PT, o programa chegou a distribuir 100 mil cisternas em um único ano, e estava prestes a atingir a marca de um milhão de cisternas. O desmonte desse programa é mais uma prova da irresponsabilidade política de Bolsonaro, para com o povo que mais sofre com as consequências da seca no país”, alertou.

Sem participação dos Conselhos Municipais

O parlamentar lembra que antes, a definição de onde haveria a construção de cisternas era feita pelos conselhos municipais, formados em maioria absoluta por integrantes da sociedade civil. “Agora, as cisternas só serão construídas através de emendas de relator, que é um dos pilares do Orçamento Secreto, instituído por Bolsonaro. Além disso, estão dando preferência à compra de cisternas de plásticos e não cisternas de alvenaria, como costumava ser”, relatou. 

Frei Anastácio lembrou que as cisternas de plástico foram recusadas no governo Lula, porque duravam muito pouco. “Já as cisternas de alvenaria, além de resistentes, eram construídas pela própria comunidade gerando também emprego e renda nos locais, assim aquecendo a economia dos municípios onde o material de construção era comprado”, relatou.

DEIXE AQUI SEU COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here