O deputado federal Frei Anastácio (PT/PB) acusa o presidente Jair Bolsonaro de promover mais um ataque contra famílias de baixa renda, ao inviabilizar o programa Casa Verde e Amarela – antigo Minha Casa Minha Vida -, com o corte de 98% do orçamento  para 2021.

“O orçamento previsto pelo Congresso era de R$ 1,5 bilhão e foi praticamente zerado, chegando a R$ 27 milhões. O que piora a situação é que o corte foi feito justamente na Faixa 1 do programa, que é a faixa para as famílias com baixa renda”, comentou.

Frei Anastácio explica que o prejuízo não afeta apenas a aquisição de novas casas, mas também a geração de empregos. “Com esse corte, Bolsonaro paralisa a construção de 250 mil casas. Além disso, eliminará 250 mil empregos diretos e 500 mil indiretos. Ou seja, 750 mil pessoas serão atingidas na construção civil”, lamentou.

O parlamentar comentou que o setor da construção já passa por um momento de dificuldade e que esse corte apenas irá colaborar para uma crise maior e uma onda de demissões. Agora, vamos somar esforços e torcer para que essa decisão seja revertida”, concluiu.

DEIXE AQUI SEU COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here