O deputado federal Frei Anastácio (PT/PB) disse que o desastre do governo Bolsonaro está retirando o direito até do povo ter acesso aos alimentos básicos, como arroz e feijão. “Nesse governo, a inflação, o desemprego e a inexistência de um plano de recuperação da economia estão massacrando a população e forçando o povo a procurar alternativas para não morrer de fome ”, afirmou o deputado.

Frei Anastácio relatou que, no governo Bolsonaro,  até o  prato mais comum na casa de qualquer família brasileira está ficando inacessível. “Nem o arroz e o feijão, escaparam da alta absurda nos preços e os mais pobres estão se vendo obrigados a mudar o cardápio. Muitas famílias já deixaram de consumir carne bovina e agora consomem ovo, além disso estão trocando o óleo por banha de porco e o feijão por lentilha”, comentou.

Frei Anastácio lembra ainda que além dos alimentos consumidos, a forma de preparo também mudou. “Com o gás chegando a quase R$100, muitas famílias já trocaram o fogão a gás por carvão e lenha. Lamentável que o Governo que prometeu o gás a R$35, hoje veja a população em condições como essa e não faz nada para mudar a realidade e aumentar a renda das famílias brasileiras”, comentou.

O deputado lembra que um dos agravantes para esse cenário   é a redução do auxílio emergencial, além do desemprego no Brasil, que atingiu o recorde de 14,7% no trimestre encerrado em abril. “O principal motivo para agravamento da situação foi a recusa para compra de vacina, responsável  pelas mortes em consequência da Covid-19,que resultou  também  no aumento do desemprego. Quantas empresas não teriam fechado se a população estivesse vacinada desde 2020?”, questionou Frei Anastácio.

DEIXE AQUI SEU COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here