Frei Anastácio diz que Luciano se tornou inimigo do governo do PT

O deputado estadual Frei Anastácio (PT) disse hoje (22), na Assembleia Legislativa, que a saída de Luciano Cartaxo do PT indica que ele, de agora em diante, se torna um inimigo do PT e do governo Dilma. “Não adiante querer enganar com “esse beijo de Judas”, se filiando a um partido de sustentação do governo”, afirmou Frei Anastácio.

De acordo com o deputado, no momento em que Luciano se filia a um partido com ligações diretas ao senador Cássio Cunha Lima, não deixa dúvidas de suas intenções. “Ele está ao lado da direita, daqueles que são oposição ao governo do PT. Dessa forma, não adianta tentar enganar a opinião pública com essa falácia de partido de sustentação do governo”, afirmou o deputado.

Frei Anastácio também criticou uma das justificativas dadas pelo prefeito para sair do PT, ao dizer que o escândalo nacional estaria atrapalhando a administração em João Pessoa. “Atrapalhando em que? Luciano não deixou de receber recursos do governo federal e não existe nenhum petista paraibano envolvido em falcatrua. A grande maioria de suas obras são com recursos federais”, disse.

O petista também desafiou alguém a mostrar uma defesa de Luciano Cartaxo em relação ao governo do PT. “Ele nunca parou um instante para defender o governo e ainda tem a “cara de pau” de dizer que não pode ficar parando para dar explicações sobre a crise nacional. Mas, tenho certeza de que o tempo trará resposta para tudo isso. E o tempo se aproxima. No próximo ano nós veremos em que tudo isso vai dar porque, em minha opinião, o prefeito com essa atitude covarde,está cavando o suicídio político dele”, afirmou o deputado.

Leia também