Frei Anastácio diz que Lula desmontou jogo de cena do juiz Moro

O deputado estadual Frei Anastácio (PT) disse, hoje (14), no plenário da Assembleia Legislativa, que Lula desmontou mais um jogo de cena do juiz Sérgio Moro e da turma dele, no depoimento prestado ontem, em Curitiba. “Mais uma vez, o juiz não tinha nem o que perguntar. Repetiu as mesmas indagações, não apresentou nada de novo e nenhuma prova contra Lula”, disse o deputado.

Frei Anastácio disse que depois do depoimento, ficou claro que o juiz só tem convicção contra Lula. “Ora, convicção é um sentimento que se aplica a fé religiosa, não na justiça para tentar condenar alguém. O Ministério Público está querendo  desesperadamente alguma coisa que incrimine o ex-presidente. O próprio Lula bateu de frente com Moro, e o juiz mais uma vez apenas disse que tem apenas convicção de que o ex-presidente é culpado”, afirmou o deputado.

O parlamentar disse que a mesma coisa é a delação de Palocci. “São apenas acusações vazias, palavras sem provas. Basta a gente fazer algumas perguntas básicas sobre essa delação de Palocci para ver a verdade. Palocci tem alguma gravação telefônica que prove o que está dizendo?Não tem.Ele, quando acusa Lula, tem alguma testemunha para comprovar o que disse?Também não tem.Existem provas de alguma conta de Lula com esse dinheiro, no Brasil,ou no exterior, da propina, que Palocci está delatando?Também não tem nada. Foi encontrada alguma mala de dinheiro com Lula, ou na casa dele?Não foi.Tem algum documento apreendido que prove o que Palocci diz.Mais uma vez, não tem nada. Dessa forma, Moro não tem nada contra Lula, continua só com convicção. Esse juiz deveria praticar essa convicção dele para se dedicar mais a fé dele em Deus, e não para tentar incriminar Lula”, disse.

Onde estão as provas contra Lula?

O deputado perguntou ainda “onde estão as provas contra Lula? Acusam que Lula é ladrão, mas as malas de dinheiro, as gravações telefônicas e muitas outras provas de corrupção só apareceram, até agora, com aliados do presidente Golpista, Michel Temer. Contra o próprio presidente Golpista existem muitas provas concretas. No entanto, só apontam Lula como o ladrão. Mas, o povo brasileiro está vendo tudo isso. Com Lula candidato a presidente, ou não, o povo está vendo. Acredito que em 2018, a população brasileira irá dar o troco e fará a Operação lava Voto, contra esses que estão traindo o povo e destruindo o Brasil”, relatou.

Frei Anastácio também destacou a seguinte afirmação de Lula: “Eu virei a Curitiba quantas vezes forem necessárias porque a verdade vencerá a mentira”, disse; não há na história da humanidade nenhum estadista que resolveu governar para os pobres e tivesse resistido à sanha da elite perversa; Se eles estão com medo de que eu volte a governar esse país, é bom eles terem medo mesmo”, afirmou Lula.

O deputado destacou ainda que Lula é um dos poucos réus, na história da humanidade, que chega para prestar depoimento aclamado e cercado pelo povo, enquanto o juiz julgador aparece cercado de polícia.

Leia também