Frei Anastácio diz que mídia golpista não conseguiu fechar as portas do PT

“Quem pensava que a mídia golpista iria fechar as portas do PT nessas eleições se enganou”. A afirmação foi feita, hoje (04), pelo deputado estadual Frei Anastácio (PT), na tribuna da Assembleia, que parabenizou os eleitos e fez um balanço das eleições no Brasil.

O parlamentar informou que na Paraíba o PT elegeu 65 vereadores em 53 municípios. O partido também elegeu cinco vice-prefeitos em Cajazeiras, Lastro, Pedra Lavrada, Santa Cruz e Sapé e o prefeito de Picuí.

Segundo Frei Anastácio, “dos 65 vereadores eleitos pelo PT, 16 são das bases do nosso mandato. Além disso, temos quatro prefeitos e um vice que foram eleitos através de alianças que fizemos e apoiamos”, disse o deputado.

Em relação ao cenário nacional, Frei Anastácio disse que a diminuição em mais de 50% no número de prefeituras do PT também não era o que a mídia golpista esperava. “Eles achavam que iriam deixar o PT na lama. Mas, se enganaram. O partido continua vivo”, afirmou o deputado.

Frei Anastácio também disse que a diminuição no número de vereadores do PT decepcionou os golpistas. “O PT manteve quase o mesmo número de vereadores em todo o Brasil. Isso significa que as bases do partido estão mantidas e prontas para fortalecer o partido”, disse o deputado.

 

Barragem de Camará

frei-e-governador-camaraFrei Anastácio também elogiou o governador do estado pela inauguração da nova barragem Camará. Segundo ele, a obra juntamente com as adutoras custou mais de R$ 120 milhões e irá beneficiar cerca de 170 mil habitantes. “Na minha cidade natal, Esperança, o povo está festejando a chegada da água vinda de Camará. Uma obra que representa a redenção daquela região”, disse o deputado.

Frei Anastácio também fez um chamamento aos colegas deputados para, a partir de agora, olharem para futuro e deixar o retrovisor da política de lado. “Precisamos dar atenção aos problemas do estado, votando as matérias de interesse da população sem cor partidária”, disse o deputado.

 

Leia também