O deputado federal Frei Anastácio (PT/PB) parabenizou as mulheres pela passagem do dia 8 de Março e disse que a luta e a organização feminina marca a resistência contra um Governo declaradamente machista. “As mulheres são símbolos de luta e resistência, principalmente, agora, diante de um governo que não valoriza políticas públicas voltadas para elas”, afirmou.

 Segundo o parlamentar, o povo sabe que o Governo Bolsonaro tem impactado negativamente a vida de todos os brasileiros, mas as mulheres têm sofrido de forma mais forte esses efeitos. “Pesquisas mostram que as mulheres têm sofrido mais com violência doméstica e com a sobrecarga de trabalho doméstico, e isso é efeito de uma sociedade patriarcal, na qual vivemos com fortes incentivos do atual presidente”, lamentou.

Frei Anastácio lembrou ainda que fatores como renda e raça podem aumentar de forma exponencial o sofrimento das mulheres durante a pandemia. “Mulheres negras de classe baixa são as principais vítimas desse governo, são mulheres que geralmente precisam trabalhar fora de casa, mas também precisam cuidar dos filhos que não estão indo para a escola. Por isso, as medidas de isolamento precisam estar atreladas ao auxílio emergencial, para manter essas mulheres seguras e com condições de sustentar a família”, disse.

Luta e resistência

Para Frei Anastácio, as mulheres que têm sobrevivido às políticas de um Governo declaradamente machista, são símbolos de resistência e luta. “Apesar de Bolsonaro e de toda política de seu Governo que as exclui, as mulheres têm se organizado e têm encontrado forças para criar redes de apoio que as ajudem a passar por esse momento difícil que temos enfrentado na pandemia”, disse. 

O Congressista ressaltou ainda que “neste Dia 8 de março, quero parabenizar essas mulheres guerreiras que estão fazendo história nessa caminhada. Reafirmo ainda o meu compromisso de continuar defendendo intransigentemente as mulheres, suas lutas, seus direitos e votando a favor de todas as proposituras que venham em benefícios do universo feminino. Fora Bolsonaro, viva às mulheres à luta delas que também é nossa”, concluiu.

DEIXE AQUI SEU COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here