Frei Anastácio diz que Paraíba vive “clima de terror” e governo não reage

O deputado estadual Frei Anastácio falou hoje (02), no plenário da Assembleia Legislativa, sobre a onda de violência que o Estado esta vivendo, principalmente nos últimos dias e lamentando que a secretaria de segurança não apresenta nenhum plano de segurança, mas apenas números duvidosos sobre a redução da violência. “A população está apavorada. O estado vive um “clima de terror” e não vemos respostas do governo para combater a criminalidade em nosso Estado”, declarou o parlamentar.

O petista se solidarizou com os funcionários da Assembleia que sofreram assalto na tarde de ontem (01), em plena luz do dia, quando chegavam a uma agência bancária, no Centro da capital paraibana. “Mesmo sem reagir, o casal foi ferido com tiros”, destacou. Frei Anastácio também lembrou os assaltos ao carro forte, em frente a uma agência bancária em Campina Grande, fazendo analogia com ataques terroristas. “As ações dos bandidos são verdadeiros ataques terroristas, aterrorizando a população” comparou.

Outro caso ressaltado pelo parlamentar foi o arrastão feito por dois assaltantes, na escola Luiza Simões Bartolini, na manhã de ontem (01), levando pânico para alunos, professores e servidores daquela unidade de ensino. “Imagina como estão aqueles que estavam no momento do crime, muitos tiveram que ficar ajoelhados com uma arma no rosto. Um trauma para a vida toda”, lamentou o deputado.

Frei Anastácio também informou que não é só nas grandes cidades que a violência aterroriza a população paraibana, relatando que foi até o município de Barra de Santana, onde os moradores da região não aguentam mais com o livre trânsito da criminalidade. “Além de Barra de Santana, Riacho de Santo Antônio, Caturité, São Domingos do Cariri e Natuba estão sem lei. Quem manda são os bandidos e os trabalhadores e trabalhadoras estão cansados e querem fazer justiça com as próprias mãos”, disse.

O deputado também citou a situação dos moradores do bairro de Jaguaribe, em João Pessoa, que há muito tempo, estão sofrendo com assaltos e arrombamentos e até os alunos do IFPB, além dos fiéis da Igreja do Rosário estão apavorados. “O reitor do IFPB, juntamente com o guardião do Convento do Rosário, Frei Jean, e vários representantes do bairro participaram de uma reunião com o responsável pelo posto policiais do bairro, mas ele afirmou que nada pode ser feito. É assim que vive o nosso estado e só Deus pode nos salvar”, ressaltou o parlamentar.

Votos de aplausos às TVs

Frei Anastácio destacou hoje (02) na Assembleia Legislativa, o trabalho da imprensa em registrar a violência, tanto na capital quanto no interior do estado. Ele apresentou  voto de aplauso para a TV Cabo Branco, por fazer uma analise sobre as condições de ensino, nas escolas públicas do Estado, e a violência que agora invade as salas de aulas por bandidos,em várias matérias exibidas no programa Bom Dia Paraíba, nesta terça (02). O parlamentar também apresentou voto de aplauso a TV Correio pela matéria exibida na semana passada, no programa Cidade Alerta Paraíba, mostrando a insegurança que vive o município de Barra de Santana, Caturité e mais três cidades. “Essas matérias se tornam na voz da população, como alerta e pedido de socorro às autoridades”, disse o deputado.

Leia também