Frei Anastácio diz que paraibano está com sede e assustado com a violência

entrevista na Fm de Sousa“A violência e a falta de água são os problemas que mais preocupam a população da Paraíba atualmente”. A afirmação é do deputado estadual Frei Anastácio (PT), que visitou 11 municípios durante o final de semana. Segundo ele, o povo daqueles municípios, a exemplo da grande maioria do estado, está com sede e assustado com a violência.

De acordo com o deputado, por onde ele passou, na Borborema, no Seridó, Cariri, médio e alto sertão, o povo se mostrou quase desesperado com a falta de segurança e de água. “Para o problema da falta de água, vemos uma saída que irá amenizar o sofrimento do povo que é a transposição do São Francisco. Mas, para a questão da violência não vemos solução nenhuma, uma vez que o governo do estado não tem um plano de ação para combater a marginalidade, nem reforça o efetivo policial com novas contratações”, disse o deputado.

Frei Anastácio esteve nas cidades de Campina Grande, Soledade, Serra Branca, Junco do Seridó, São Mamede, Patos, Malta, Imaculada, Aparecida, Sousa (Distrito de São Gonçalo) e Cajazeiras. “Nas rádios onde concedemos entrevista e nas visitas que realizamos, os principais questionamentos foram esses, a violência e a falta de água. Como deputado, tive a responsabilidade de explicar ao povo a realidade do nosso estado, que não é boa”, disse.

Em relação à transposição, Frei Anastácio disse que durante a audiência da Frente Parlamentar das Águas – da Assembleia Legislativa -, com o ministro da Integração Nacional, ficou garantido que as obras da transposição serão concluídas em 2016.

Durante as visitas que fez a trabalhadores acampados, assentados da reforma agrária, sindicalistas e lideranças petistas, Frei Anastácio aproveitou para fazer um balanço das atividades do mandato. “Além disso, realizamos reflexões sobre a conjuntura política estadual e nacional”, informou.

Leia também