Frei Anastácio elogia postura de governadores do NE de não aceitar inquisição de Temer

O deputado estadual Frei Anastácio (PT), disse hoje (30), na tribuna da Assembleia Legislativa, que os governadores do Nordeste estão certos em não aceitar a proposta do governo golpista Temer, em adotar medidas fiscais como as que estão sendo aplicadas pelo governo federal.

Os governadores tomaram essa postura na sexta feira (26) após avaliarem a proposta. “Isso seria como barganha do presidente para os governadores terem acesso a parte dos recursos das multas do programa de regularização de ativos não declarados, conhecida como Lei da Repatriação”, declarou o parlamentar.

Os governadores encaminharam recentemente carta ao presidente da república, colocando-o a par da decisão tomada em conjunto por eles, considerando que não é possível relacionar as medidas no âmbito federal com as possivelmente aplicadas nos estados. “Ao meu ver, o presidente golpista ao tentar impor aos governadores que tomem medidas como as que vem adotando invade competência privativa dos governadores e deixa claro seu caráter não republicano”, ressaltou Frei Anastácio.

Posição do governador da PB

O deputado também parabenizou a postura do governador Ricardo Coutinho (PSB), por se manter coerente e mostrar a coragem de não aceitar as propostas do governo federal. “Por seu sentido republicano e altivo, saúdo o governador da Paraíba por ter tido a coragem de se levantar contra essa verdadeira usurpação do governo federal”, frisou o petista.

Frei Anastácio disse ainda que o governo Temer está colocando pacotes que colocam em risco a economia e favorecem apenas a classe economicamente poderosa, afirmando que a cada dia se consolida um governo vertical. Ontem, foi votada em primeiro turno a PEC 55 que limita recursos.“Apesar da grande manifestação ao redor do Congresso, os parlamentares atenderam à ordem do presidente golpista e votaram a favor. É bom registrar que a polícia agiu da mesma forma dos tempos da ditadura com repressão aos manifestantes. Infelizmente, o nosso país está votando ao passado”, denunciou Frei Anastácio.

Aniversário de Esperança e Sapé

Na ocasião, Frei Anastácio também homenageou o município de Esperança, terra natal dele, pelo aniversário de emancipação. O deputado ressaltou o povo guerreiro de Esperança, que completa 91 anos amanhã (1/12). Segundo ele, a cidade se destaca no comércio e tem grande importância para o Estado. Ainda no plenário, também parabenizou o município de Sapé que completa igualmente com Esperança, 91 anos de emancipação política.

 

Leia também