Foto-Gabriel-Paiva-Frei1

 

O deputado federal Frei Anastácio (PT/PB) fez apelo, da tribuna da Câmara, para que o Laboratório de Análise de Solo, do Centro de Ciências Agrárias do Campus da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), em Areia, volte a funcionar. “Esse laboratório é o único que faz exames de fertilidade de solo no Estado e está sem funcionar  por falta de servidores. Isso traz prejuízos para agricultores e produtores da Paraíba”, lamentou.

O deputado disse que enviou ofício à  reitora da Universidade Federal da Paraíba, Margareth Diniz, solicitando que ela tome conhecimento do problema e estude uma alternativa para resolvê-lo. “Sabemos que o governo federal está castigando as universidades com corte de verbas, e não se interessará em resolver esse tipo de problema”, destacou o deputado.

Segundo a informação repassada ao deputado, os servidores que eram responsáveis pela atividade estão se aposentando, ou de licença, e os novos, que inclusive já foram aprovados através de concurso, ainda não tomaram posse, pois a Universidade está impedida de realizar novas contratações esse ano, por ordem do governo federal.

“Nós entendemos que é inaceitável que o único laboratório de análise de solo que resta no estado não possa atender aos agricultores paraibanos por falta de profissionais. Esse é mais um resultado do governo desastroso de Bolsonaro, mas contamos com a competência de Margareth Diniz para resolver a situação”, afirmou.

O parlamentar enfatizou ainda que “tenho certeza que a reitora irá atender esse nosso pedido e viabilizará o funcionamento desse serviço que é tão essencial para a agricultura familiar paraibana”, concluiu o deputado.

DEIXE AQUI SEU COMENTÁRIO

Please enter your name here

Please enter your comment!