IMG-20200402-WA0026O deputado federal Frei Anastácio (PT/PB) elogiou a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), por ter suspendido, hoje (06), todos os processos judiciais de reintegração de posse e anulação de terras indígenas, em todo o Brasil,enquanto durar a pandemia causada pelo
Coronavírus.

O parlamentar disse esperar que essa mesma decisão seja tomada com todos os processos de reintegração de posse envolvendo terras relacionadas à Reforma Agrária. “O momento que estamos vivendo é para lutar contra o avanço do Coronavírus. Todos esses processos precisam ser suspensos”, afirmou.

Frei Anastácio destacou que essa suspensão de todos os processos que envolvem os povos indígenas no país, vem como um alívio para os povos da floresta. “Eles estão sofrendo muito, depois da chegada de Bolsonaro ao poder. Além dos processos injustos que enfrentam, estão sendo vítimas de assassinatos, espancamentos e estupros. Além disso,
assistem, a cada dia, o avanço de grileiros, madeireiros e garimpeiros ilegais destruindo terras e florestas. Tudo a partir do incentivo do próprio governo federal”, denunciou.

“Essa decisão do STF é uma vitória importantíssima para todos e todas que defendem os direitos dos povos indígenas. Em um momento de pandemia, como este que estamos vivendo, nossa luta e articulação foram prejudicadas, já que estamos unindo forças para combater o vírus”, comentou o deputado.

“Sem essa medida do STF, estaríamos indo de encontro com o que pedem às autoridades ao causar aglomerações, além disso, dificilmente essas famílias receberiam um suporte eficaz. Nesse caso, o direito à vida e à saúde se sobrepõe às questões relacionadas à propriedades. Esta é mais uma vitória de luta coletiva”, concluiu Frei Anastácio.

DEIXE AQUI SEU COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here