O deputado Federal Frei Anastácio participou das atividades do 27º Grito dos Excluídos e Excluídas, em João Pessoa, nesta terça-feira, 7 de setembro, com concentração na Praça das Muriçocas, no bairro de Miramar, além de carreata e caminhada até a praia do Cabo Branco. “O povo pobre nunca esteve tão excluído no Brasil, como agora no governo Bolsonaro”, disse o deputado.

O parlamentar relatou que durante os mais de dois anos de governo, Bolsonaro já conseguiu destruir toda base de apoio social, criada pelo governo do Partido dos Trabalhadores, para amparar a população pobre. “Esse governo simplesmente isola a população carente com a retirada de direitos, programas sociais e conquistas. Bolsonaro conseguiu levar o Brasil novamente ao mapa da fome e não tem nenhum programa para retirar o país desse cenário. Falta comida, saúde, emprego, renda e dignidade para as pessoas”, lamentou.

Frei Anastácio destacou que o 27º Grito tem como tema “A vida em primeiro lugar: na luta por participação popular, saúde, educação, comida, moradia, trabalho e renda já”. “Este ano, o Grito exige ações concretas em defesas da vida ameaçada por ações de um governo genocida, que está preocupado apenas em se manter no poder e manter as benesses de militares, amigos e familiares usando de forma descarada o dinheiro público”, disse.

O deputado disse ainda que o povo estará nas ruas também em defesa da democracia que, a todo instante, sofre ameaça vindas de quem deveria zelar por ela. “Desde que assumiu o governo e viu sua avaliação positiva despencar, Lula livre com apoio do povo e índices positivos nas pesquisas, Bolsonaro apelou para o golpismo. Ele insuflou os fanáticos que o apoiam para atos golpistas neste 7 de setembro. Temos que dar uma resposta. Ditadura nunca mais. Fora Bolsonaro. O Brasil quer paz e prosperidade”, disse.

Origem do Grito

O Grito dos Excluídos e Excluídas como manifestação nacional foi criado em 1994. A manifestação surgiu a partir da 2ª Semana Social Brasileira da CNBB (Conferência Nacional dos Bispos do Brasil), que teve como tema Brasil, alternativas e protagonistas.  Daquela data em diante, o Grito tem concentrado milhões de pessoas, pelo Brasil afora, há 27 anos. É um ato que envolve movimentos sociais, sindical, igrejas, pastorais, bem como organizações que defendem as bandeiras de lutas das pessoas mais vulneráveis, em busca de direitos.

DEIXE AQUI SEU COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here