Frei Anastácio registra aniversário do município de Conde, na Assembleia Legislativa

 

O deputado estadual Frei Anastácio (PT) registrou hoje (19), na Assembleia Legislativa, a passagem do aniversário de emancipação política do município de Conde, que completou ontem, 50 anos. “Quero deixar aqui os meus parabéns ao povo ordeiro desse município”, disse o deputado.

Frei Anastácio acrescentou que o Conde é um município que se destaca pelo seu potencial turístico e pela capacidade de produção agrícola, principalmente, pelos assentamentos da reforma agrária que existem no local.

“O Conde tem nove assentamentos da reforma agrária. Esses assentamentos começaram com 400 famílias, mas hoje, com certeza, juntando os agregados que são filhos, netos, noras e genros são cerca de três mil pessoas. A área que esses assentamentos ocupam é de quase 3,3 mil hectares. A toda essa gente quero aqui também deixar a minha homenagem, pela passagem do aniversário da cidade”, disse.

O parlamentar lembrou que foi na luta pela terra no Conde, que ele chegou a ser sequestrado e preso. “Mas, me orgulho de ter ajudado essas famílias a conquistar cidadania e independência econômica”, disse Frei Anastácio.

 

Morte no Conde

O deputado também lamentar que durante o período de festejos, o Conde tenha registrado o assassinato do administrador do mercado público da cidade, o senhor Flávio Paulino. “Um assassinato, que segundo o que está na mídia, partiu de insatisfação com a administração da prefeitura. A prefeita da cidade teria feito perseguições contra vendedores do mercado que não rezam na cartilha dela. E como “testa de ferro” para essa perseguição, ela teria colocado o administrador que desagradou alguns comerciantes e deu no que deu”, relatou o petista.

Frei Anastácio enfatizou que não é assim que se administra, implantando perseguição. “O bom gestor age através do diálogo, da conversa, do acordo. Por tanto, deixo aqui os meus parabéns ao município e lamento o fato de um cidadão ter perdido a vida dessa forma”, disse.

 

Leia também