IMG-20200404-WA0023

 

O deputado federal Frei Anastácio (PT/PB) alerta que o Congresso Nacional, os governos estaduais e municipais devem tomar medidas urgentes para proteger as pessoas em situação de rua. “É necessário alojar essas pessoas em locais seguros, realizar distribuição de kits de higiene, alimentação, além de acompanhamento de assistência social e de equipes de saúde”, disse o deputado.

O parlamentar relatou que alguns estados já estão tomando medidas para proteger os moradores de rua, juntamente com ONGs, a exemplo do MST. “Mas, é preciso muito mais. Essas pessoas são frágeis, mal alimentadas e muitas delas já sofrem de outras doenças. São cidadãos e cidadãs muitas vezes “invisíveis” para a sociedade. Mais do que nunca, essa população necessita de atenção especial”, afirmou.

Frei Anastácio disse ainda que o Governo Federal precisa garantir um orçamento adequado para zerar a fila do Programa Bolsa Família, que hoje conta com 3,5 milhões de pessoas esperando pelo benefício.

De acordo com Frei Anastácio, ainda é preciso congelar os preços de itens de primeira necessidade, como álcool em gel, máscaras de proteção, medicamentos auxiliares no tratamento a enfermidades virais e cesta básica de alimentos.

 

“Outra medida importante que estamos defendendo no PT é a redução do preço do botijão de gás para R$ 49,00 para a população baixa renda”, comentou. Além disso, Frei Anastácio sugeriu que fossem disponibilizados, para as pessoas que ainda precisam sair de casa, espaços públicos de higienização, contendo torneiras e sabão. O parlamentar informou que muitas dessas medidas também estão sendo sugeridas pelas Centrais Sindicais do Brasil, preocupadas com a pandemia do Coronavírus.

“São medidas que estão ao alcance do Governo e que podem salvar muitas vidas, tanto do vírus quando da crise que poderá se instalar no país em consequência da pandemia. Quanto mais vidas forem salvas, mais condições o Brasil terá para sair da crise, depois da pandemia”, concluiu o deputado. 

DEIXE AQUI SEU COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here