Lenildo Morais lança candidatura em João Pessoa, Campina e Patos

O vice-prefeito de Patos, Lenildo Morais, realiza lançamento de sua candidatura a presidente estadual do Partido dos Trabalhadores (PT), na Paraíba, em três cidades, neste final de semana. O primeiro lançamento será nesta sexta-feira (4), às 18h, no Sindicato dos Eletricitários (Sintel), na Rua Rodrigues de Aquino 290 – centro de João Pessoa. Amanhã, (5), o lançamento irá acontecer em Campina Grande e no domingo (6), em Patos.

Lenildo Morais disse que espera um grande número de filiados e representantes das forças internas que apóiam a sua candidatura em todos os eventos. “Vamos oficializar a nossa candidatura que nasceu da vontade da militância e de diversas tendências que querem um PT renovado e mais forte”, disse Lenildo.

O deputado estadual Frei Anastácio confirmou que irá participar das três solenidades de lançamento da candidatura de Lenildo Morais. “O companheiro Lenildo é, sem dúvidas, um nome que aglutina todas as condições necessárias para fazermos do PT um partido mais forte do Litoral ao Sertão. Além de ter boas referências estaduais, Lenildo é um militante com experiência acumulada através de muitos cargos que já ocupou na esfera federal. É uma pessoa aberta ao diálogo e preparada para representar muito bem o nosso partido”, disse Frei Anastácio.

Militante Histórico

download

 Lenildo Morais é geógrafo e mestre em desenvolvimento sustentável pela UnB. É natural de Patos e militante do PT desde os anos 80. Aos 47 anos, exerceu vários cargos públicos, a exemplo da Fundação Nacional da Saúde, Diretoria de Recursos Logísticos da Presidência da República, na EMBRAPA e esteve à frente da Superintendência do INCRA/PB. Atualmente, é vice-prefeito da cidade de Patos (PB).

De acordo com Frei Anastácio, no momento em que o Partido dos trabalhadores vive, em todo o País, o Processo de Eleição Direta (PED) para a renovação de suas direções, o nome de Lenildo reúne um conjunto de forças políticas internas e se apresenta como proposta para fortalecer e construir os mecanismos necessários à valorização das suas instâncias, da participação da militância, da defesa do projeto nacional em desenvolvimento no país, a fim de preparar o partido para os desafios que se apresentam.

“O PED 2013 constitui-se numa oportunidade em que direção e militância se encontram para um debate de onde sairão as orientações que conduzirão os rumos do Partido e do projeto político iniciado no Governo Lula e agora com a presidenta Dilma.  O nome de Lenildo Morais tem este caráter de revitalizar os mecanismos de debate e de relação entre as instâncias, as forças partidárias e a militância, como um importante patrimônio do PT.  Incentivar a criação e dinamizar os setoriais e núcleos como importantes instâncias que organizam a militância petista nos movimentos sociais e elaboram programas partidários”,destacou o deputado.

O parlamentar disse que Lenildo irá consolidar os canais de diálogo com partido do campo democrático e popular e das forças partidárias que dão sustentação ao Governo Dilma, na Paraíba. “Isso será feito buscando criar as condições para apresentação de uma chapa majoritária competitiva para 2014. Lenildo irá atuar de maneira contundente visando à reeleição da Presidenta Dilma. Ele Irá também regionalizar o partido, reconhecendo em cada diretório, um papel decisivo no fortalecimento do PT e na consumação de um projeto que responda às novas exigências político-sociais”, disse Frei Anastácio.

Leia também